OLHA PRÔ CÉU Quinta, 13 Dezembro.






OLHA PRÔ CÉU
Quinta, 13 Dezembro.

A quinta chega mais suave, mas mesmo assim, o clima de passeio no bosque não passa nem perto.  
Olhem nas #, tudo em Sagitário ou Peixes. Fogo e Água. Entusiasmo e Sensibilidade.
O telescópio do viver mira o futuro com transbordante sensibilidade, empatia e de maneira inclusiva.
Todos precisam de tudo, todos sentem tudo, a alegria, as necessidades e as dores são universais! Repare só para ver!
Não interessa concentrar intenções num recorte do universo, mas sim considerá-lo como um organismo borbulhante feito vulcão acordado, onde é obviamente correto que todos tenham seu lugar de estar e que possam assim cuidar da sua tarefa maior.
Existem muitos sonhos sim e também uma grande capacidade de torná-los reais, com responsa e entrega.
Caso não esteja em dia com seu sonho, acesse seu arquivo que fica bem naquele músculo cardíaco chamado coração, e atualize-o.

#JúpiterSagitário
#SolSagitário
#MercúrioSagitário
#LuaPeixes10h40m
#MartePeixes
 #NetunoPeixes
#QuíronPeixes
#VênusharmoniaSaturno
#Astrologia
#Aspectos
#Céu

OLHA PRÔ CÉU Quarta, 12 de dezembro.








OLHA PRÔ CÉU

Quarta, 12 de dezembro.

Não é tempo de colheita e sim de perceber aonde estão oportunidades, prosperidade e fertilidade. 

Agregar tudo isso às suas intenções e ações para alinhavar seus objetivos e nutrir-se do sentimento de propósito.

Saber que está fazendo o que é preciso, para encontrar seus apoios.

Raízes firmes?

Então, a partir desta hora, poderá alçar vôo.

Com a base trêmula, não se faz nada. É preciso a construção e a tranquilidade de alicerces seguros.

O vôo é do anseio de cada um, não importa qual.

O caminho está aberto para o que vem renovar, tirar da mesmice, pensar fora da caixa.

De vez em qdo. perderemos o rumo, o que é muito natural. Mas aí é refletir, digerir, seguir.

Não faltará o sentimento de que com a mente aberta e confiante alcançará o que escolheu como seu caminho.

Mônica Bergamo

OLHA PRÔ CÉU Terça, 11 dezembro.











OLHA PRÔ CÉU
Terça, 11 dezembro.

Mesmo que a causa ou ideia seja boa e do bem, nem tudo vem suavemente. Alguém soltou esta ideia, talvez desde que o mundo é mundo e absorvemos, acompanhados por apreensões e inseguranças.
Nada é garantia de nada.
O céu nos estimula na busca de coisas novas e que beneficiem muitos! Mas o clima é tenso e elétrico e talvez não consigamos pensar direito ou nos expressarmos de forma eficiente.
Ou seja, neblina à vista.
Até porque a criação de situações ideais é bem presente, principalmente aquelas que parecem promessa das emoções seguras e sendo curadas.
Quanto maior a idealização cresce também a possibilidade de decepção. Pés no chão e cabeça nas estrelas, não fazem mal a ninguém.
Vamos um passo de cada vez.

OLHA PRÔ CÉU Segunda, 10 dezembro.








OLHA PRÔ CÉU
Segunda, 10 dezembro.
Diria que o início da semana não vem exatamente envolto em flores e facilidades.
O céu está tenso e nada simples evoluirmos em direção ao que queremos, como se a cada vez tivéssemos que escolher entre uma coisa e outra e não integrá-las.
Sabe aquela coisa de sentar e colocar a vida em ordem, nem que seja escrevendo prioridades num pedaço de papel, para não perder o roteiro? Sim, é fácil entornar o caldeirão dos nossos planos. E para que isso não aconteça é preciso memória, organização, estrutura, ponta firme.
A Lua em Capricórnio ajuda em tudo isso com sua sobriedade e necessidade de fazer muito bem feito e com responsabilidade.
Mas a partir das 21h40m, quando a Lua entrar em Aquário, o sentimento já não será mais tão firme, a segurança em nós mesmos, dá uma boa abalada e o retorno do coletivo torna-se bem importante.
Sentiremos claramente o quanto precisamos desse plural para sermos singulares, o quanto o retorno, a escuta, a impressão do outro pode ser valiosa.
Mas, a comunicação está facilitada, e isso ajuda demais da conta, inclusive a ordenar os pensamentos.
Falando com o outro, nos escutamos! Às vezes, falando sozinhos em voz alta, também há quem consiga bons resultados!
Em relação a possíveis imprevistos, estar com a mente flexível e receptiva, através do mesmo aspecto que facilita a comunicação, é de grande valia.

LUA NOVA EM SAGITÁRIO 07 dezembro.


OLHA PRÔ CÉU
Sexta, dia 07.
LUA NOVA às 05h21m a 15º07’ de Sagitário







Sol e Lua, de tão próximos que estão, fazem com que a luz refletida pela grande dama prateada, com sua face não iluminada praticamente olhando para a Terra, desapareça.

Em escuro silêncio, sementes começam a germinar através de novos inícios que podem ser esboçados através de uma ideia, de uma decisão, de um desejo.

A força está no agora, no norte que acena nos fazendo tomar uma direção plena de intenções.

O solo é fértil e o que vai vingar ainda é um imenso ponto de interrogação, mas a concentração no foco pode fazer transbordar confiança.

A intuição sopra palavras incompreensíveis que nossa alma sabiamente pode traduzir como uma poderosa mensagem de fé.
Bons olhos para com a vida,  abrem frestas de luz e de oportunidades. 

Não se trata de um otimismo ingênuo mas de acreditar que da mesma maneira que existem momentos ácidos, ressecados e pontiagudos o oposto também é vivo e verdadeiro.

O chamado dos últimos tempos foi tão urgente e poderoso que com mais ou menos intensidade, nada ficou no mesmo lugar.
Agora é tempo de expandir, de criar perspectivas claras, trilhar o novo.

Reconcilie-se com a sua esperança!


PROMO DA PROMO MAPA ASTRAL INFANTIL E SUA CRIANÇA INTERIOR










A PROMO DA PROMO DE "MAPA ASTRAL INFANTIL" TÁ VIRANDO TRADIÇÃO, E A "SUA CRIANÇA INTERIOR" ENTRA NA RODA TAMBÉM.

ANO QUE VEM FAÇO EM JULHO PARA OS RETARDATÁRIOS CHEGAREM A TEMPO! Rs*

- Vai ser relâmpago, até segunda, 10.
- R$90,00 Mapa Astral Infantil.
-R$120,00 Sua Criança Interior.
Em até 4x no cartão ou depósito bancário.

http://bit.ly/2QBqlUe

OLHA PRÔ CÉU Quarta, 05 dezembro. GRANDE TRÌGONO DE ÁGUA








OLHA PRÔ CÉU
Quarta, 05 dezembro.

Um transbordante grande trígono de água no céu, poderá ajudar a reparar situações que necessitam ser curadas.

A gente faz, refaz, revisita a própria história, investe no conhecimento da Sombra, dos Complexos, tenta ampliar, alongar e respirar a consciência, inspira o novo, expira o velho, abre caminhos, respira, medita, mas é uma tarefa sem fim. 
Sempre existe trabalho a ser feito, feridas que gritam, relembrando sua existência, quando menos esperamos. 
Às vezes sussurram, mas mesmo sem ser aos gritos, são inesquecíveis.
Quem conhece a reza, a erva, a cantoria, o olhar que possa nos amparar?
Feito água salgada batendo com intensidade na pedra o impulso é buscar o que amanse nossas dores.
E vem com intensidade, vontade de ir atrás do que nos traga novamente o arrepio e um não se importar se está fazendo o que deve ou não. Simplesmente se deixar levar...
Existe uma névoa rondando os sonhos e um forte princípio de realidade disposto a torná-los possíveis.
Cada onda vem cheia de emoções, imagens, retalhos das nossas vivências.
Mas mesmo que esta busca não tenha fim, a cada vez reconhecemos um pouco mais o terreno, e vamos assim, nos traduzindo e reconhecendo.
Caos e ordem e vice versa, sempre.
Mônica Bergamo

OLHA PRÔ CÉU LUA EM ESCORPIÃO no CÉU até 0h48m do dia 06, quinta-feira.







OLHA PRÔ CÉU
LUA EM ESCORPIÃO no CÉU até 0h48m do dia 06, quinta-feira.



A Lua está em Escorpião. Nada aqui é morno ou meio termo. 


Sua energia é investigativa, quer o que está por baixo das aparências. Vê o que ninguém vê. 

Seu poder de transmutação, tal qual Fênix, encara qualquer coisa e arrepia o mais experiente dos anjos.

Plutão, seu regente e senhor do mundo subterrâneo, se conecta com nossos medos, ansiedades. Medos que sentimos sem nem saber do que ou porquê.

Seu poder de regeneração e cura é tão poderoso quanto seu poder destrutivo. Ninguém consegue fazer mais mal a si mesmo quanto quem possui a energia escorpiana solar, lunar ou acentuada em outras configurações.  E o contrário também é verdadeiro. É capaz de se virar do avesso quando ama! 

Ah, mas seu desejo de possuir, trancafiar o objeto do seu amor em seus porões é quase irresistível, a menos que tenha depurado sua essência mais primitiva ao longo da vida e se conectado com o que há de sutil nessa mais que intensa qualidade energética.

Absorve o ambiente, brinca com o positivo e o negativo, mexe com fogo! E a teimosia? Valha-me! 

De alguma estranha maneira é vítima de toda sua força, a menos que invista nos processos de depuração e no desenvolvimento da sua consciência.  

Aí sim, poderá transitar pelo céu e pelo inferno com a mesma desenvoltura.

Mônica Bergamo
#LuaEscorpião #transmutação  #renascedascinzas  #intensidade #céu #inferno #consciência

OLHA PRÔ CÉU Segunda, 03 de dezembro












OLHA PRÔ CÉU
Segunda, 03 de dezembro.

Semana de preparar o solo para a Lua Nova sagitariana que chega na sexta-feira.

De que maneira tem lidado com os embates que se plantam na sua frente?  De que maneira tem dado conta do abismo entre o que pensa e a possibilidade de partir para a ação e concretizar?

Todas as ações e mesmo a inércia, gera comprometimentos. Ninguém é neutro ou transparente no mundo. Amarga ilusão!

É preciso ser, fazer, acontecer. E o norte precisa ser o crescimento, a ampliação da consciência, o exercício de atitudes mais maduras.

Está tudo mudando, ou melhor, já está tudo mudado porque o tempo parece ter tomado um ritmo que nem sei! E temos que encontrar o nosso novo lugar, sempre visando o outro e a nós, a nós e ao outro.  

Claro que cria desconforto, mas quantas coisas improdutivas também o criam e seguimos no automático? Aqui, é preciso tatuar na memória que poder  seguir na direção do novo é uma benção. Poder se movimentar, recriar, mesmo gelado de medo, é esse o norte.

A imobilidade atrofia e mata em vida.
Bora nadar, seguir o fluxo, se colocar contra a correnteza vai te esgotar, só isso.  
E lá adiante sempre tem terra, sedenta por novo plantio.
Mônica Bergamo


#SoltensãoMarte
#SaturnoharmoniaMarte
#SaturnoharmoniaSol
#MercúrioRetrôemEscorpiãoharmoniaNodoNorte
#VênusEscorpião
#LuatensãoUrano





SOBRE MAPAS - INFANTIL, ADULTO e MATERNIDADE









SOBRE MAPAS - INFANTIL, ADULTO e MATERNIDADE
Ao nos tornarmos mães, uma grande espiral de energia brota no centro da nossa existência e mares até então navegados, jamais serão os mesmos.
É benção, é impacto, é reflexão sem fim, são dúvidas, são novos humores, é a busca do novo encaixe, é o olhar para o mundo que vira outro.

O exercício de educar, o filtro da ética que fica mais apurado que nunca, os valores que precisam ser reformulados, o esforço grandioso para que a comunicação chegue clara e vibrante, aos pequenos grandes corações dos nossos rebentos! E os nossos hábitos então? Ah, me diga se não parecíamos viver em outro planeta?
O que passava despercebido, hoje carece de cuidadosa atenção.
E cada uma vive a maternidade de uma maneira conforme o seu DNA celeste, que é uma espécie de matriz. Sim! Temos um modelo de energia que nos acompanha desde o nascimento e é isso que nos torna singulares.
A Astrologia? Ah, a Astrologia é mestra em traduzir estes universos! Seja se conhecendo melhor através do seu céu, seja conhecendo a semente do seu filhote!
Mônica Bergamo

OLHA PRÔ CÉU Quinta, 29.






O dia pede por organização.
Sem a ordem necessária, tudo ficará perdido, mesmo que sejam idéias e ações geniais que estejam na espreita.
Como é que vai colocar suas idéias na roda?
Não é preciso planos mirabolantes, apenas foco e eficiência.
O que tiver como pré concebido, liquido e certo para funcionar, poderá te surpreender, pois sem jogo de cintura, nada feito. Assim como também nada feito se não sentir conforto emocional, segurança em seus objetivos práticos.
A corda bamba está desgastada e o dia feito mar revolto.

OLHA PRÔ CÉU Quarta, 28.








O que te dá prazer, mesmo havendo dolorosos obstáculos a serem vencidos para chegar lá?
A dor existe, mas se não batermos de frente com ela, passa por nós em ondas, assim como parir.
Fugir da dor não a faz desaparecer, apenas nos enrijece e garante mais dor.
Quanto mais perto da raiz, da origem daquilo que nos magoa, mais perto estamos de ganhar clareza sobre o que ela quer nos contar.
Sim, cada dor tem uma história que precisa ser compreendida para que possa ser libertada.
Calma, bicho ferido reage atacando, mas se tivermos “boa escuta” nossa dor poderá respirar.
Não disfarce, admita que dói, acolha este sentimento.
Uma neblina meio que recobre tudo, mas por baixo a história pulsa.
Se leve a sério, faça o que tem que fazer, dê o seu melhor para você mesmo.
Às vezes o melhor vem embalado em forma de surpresas, de rompimentos, mas é o grito de misericórdia para o próximo passo de crescimento na espiral do viver.
E é assim mesmo, às vezes tateando, às vezes com incrível segurança que reconheceremos o que é porto seguro. Até que outras marés venham, para depois irem embora. E assim seguimos, porque é assim que a VIDA vai se mostrando.

OLHA PRÔ CÉU Terça, 27 nov.








OLHA PRÔ CÉU
Terça, 27 nov.

Logo pela manhã a Lua abandona as águas cancerianas e entra em território do Elemento Fogo, Leão!
Com isso ganhamos uma nova disposição e alegria, o que não faz mal para ninguém, certo?
Pode estar tenso, pode chover, pode tudo. Mas a Lua em Leão não perde sua majestade.
Pode se achar a derradeira bolachinha do pacote, mas se não pegar isso para você, se não levar para o pessoal, pode ser bem divertido!
O dia começa com marolas, mas em compensação a comunicação acontece com fluência desde que exista cuidado para não falar mais do que a boca e apontar suposições como se fossem verdades.
Firme o pensamento no que vale a pena, não se gaste com bobagens sem a menor importância. A energia mental está favorecida no sentido de nos impulsionar a pensar com mais abertura.
Isso não implica em deixar seu pensamento voar sem limites. Ou até pode, desde que depois retorne à realidade.
Não é hora de tentar alcançar o sonho do sonho, mas sim se ater às possibilidades do aqui e agora.


#TensãoLuaUrano #TensãoLuaVênus #HarmoniaSolMercúrio #LuaLeão
#HarmoniaLuaMercúrio #HarmoniaLuaJúpiter #HarmoniaLuaSol #HarmoniaMarteSaturno #HarmoniaMercúrioJúpiter #MônicaBergamo



OLHA PRÔ CÉU Sexta, 23 novembro. Na madrugada a Lua se fará Cheia em Gêmeos.






OLHA PRÔ CÉU
Sexta, 23 novembro.
Na madrugada, aos 0º52 de Gêmeos, a Lua se fará Cheia.

Este eixo Sol Sagitário/Lua em Gêmeos é puramente cabeça. Seu interesse está em conhecer, racionalizar, comunicar, se conectar com a fé e com a intuição, que também é uma coisa muito sagitariana.

A Lua Cheia é uma espécie de cabo de guerra, uma oposição, Sol e Lua, diametralmente opostos, cada um numa das pontas. Dona Lua toda maravilhosa, refletindo o esplendor do Sol.

Então, com cada um de um lado, a tendência é que os assuntos ganhem um tom bem maniqueísta.  Ou isto ou aquilo. Pois é, desconforto e situações divididas.
Relacionamentos, se já na tensão, tendem a subir a temperatura.

A Lua sempre provocou encanto, principalmente na sua fase Cheia, repleta de brilho e rastro do seu luar. A Lua Cheia é momento máximo refletido na Terra. 

A Lua é inconstante, mas revela quais as nossas necessidades emocionais mais profundas e qual é a nossa verdadeira natureza. Tem intimidade com nosso inconsciente e com o nosso passado, afeta nosso comportamento, desestabiliza o nosso humor. Talvez daí aquela expressão: - “Tá de lua?!”.

Ao contar-se a própria história, de onde veio, onde está e para onde pretende ir estará se conectando com o fluxo cósmico que se abre para a transformação.

Na Cheia, tudo é muito e nos impulsiona a deixar de investir no que se mostra improvável.  
Oh céus!
Mônica Bergamo